18 de março de 2012

Opinião - Sonha

Título: Sonha
Autor: Lisa McMann
Editora: Everest Editora

Sinopse:
Está a flutuar. «Não me digam que é outra vez o sonho da queda livre», pensa. Já está farta desse sonho.
A cena muda imediatamente. Agora Janie está no exterior. Está escuro. Está sozinha atrás de um barracão, mas ouve vozes abafadas. Nunca tinha estado sozinha num sonho, e não sabe como é que as pessoas podem ter sonhos em que não estão presentes. Está curiosa. Observa, nervosa, esperando não estar no pesadelo de alguém, prestes a explodir pela parede do barracão ou por trás dos arbustos...
Nem todos os sonhos são cor-de-rosa...
Ninguém conhece realmente Janie Hannagan. Sim, sabem que tem 17 anos, que anda na escola, que tem uma mãe alcoólica que não lhe liga nenhuma e que trabalha num lar de idosos para poder pagar a entrada para a universidade.
Mas ninguém conhece o seu grande segredo: ninguém suspeita de que cada vez que alguém adormece perto dela a arrasta para dentro dos seus sonhos... E Janie está farta de ser sugada para os sonhos dos outros, de ter de assistir às suas preocupações, inseguranças, medos e desejos. Por isso, vive à margem, atormentada por um poder que não deseja nem consegue controlar.
É então que Janie entra no pesadelo mais assustador da sua vida. Pela primeira vez, ela é mais do que uma testemunha da mente distorcida de alguém. Desta vez, ela também é participante...

Opinião por Marieli Costa:
O livro conta a história de Janie uma rapariga de 17 anos, aparentemente normal, apesar de ter uma mãe alcoólatra e trabalhar num lar de idosos para pagar a entrada na universidade. Porém Janie tem uma habilidade bastante incomum, ela consegue entrar dentro dos sonhos das pessoas, de uma forma muito involuntária, pois basta alguém dormir ao pé dela que acaba por "suga-la" para dentro de seu sonho.
Isso acontece-lhe deste os 8 anos de idade e agora com 17 anos Janie esta realmente farta de ter de conviver com essa sua "maldição", e ter de participar dos sonhos alheios que muitas vezes são bastantes constrangedores.
Mas tudo muda na sua vida após a morte de uma idosa do lar onde ela trabalha, pois essa idosa chamada Martha deixa-lhe um bilhete dizendo que ela também possuía esta habilidade e sabia que Janie também possuía, então ela pede-lhe que comece a estudar este fenómeno e a controla-lo, pois ela poderá ajudar muitas pessoas.
E é isso que Janie faz, começa a estudar sobre os sonhos e a tentar se liberar dos sonhos dos outros, até que ela consegue controlar as suas saídas quando bem entender.
Nisto ela reconhece Cabel ( a anos atrás estudaram juntos porém não conversavam muito, pois Cabel era muito reservado), e começa um pequeno romance entre eles. Cabel é o único que sabe do seu segredo, e juntos acabam desvendando um crime.
Por fim Janie começa a usar essa sua capacidade de uma forma bastante útil, tratando já essa capacidade como um dom.
Este livro conquistou-me logo no início, não consegui deixa-lo até saber o final. A história é bem elaborada e me surpreendi bastante com o seu desenrolar. Em nenhum momento achei muito previsível, com excepção do par romântico de Janie. Mas isso é na maioria dos livros a característica mais perceptível.
O que faz este livro fantástico são realmente as descrições dos sonhos, que fazem que esta história tenha muito suspense e emoção.
É um livro que recomendo muito.

1 comentário:

Filipa =D disse...

Também já li este livro e tive exatamente a mesma reação! As expectativas ficaram demasiado elevadas com este livro e o resto da trilogia ficou um pouco abaixo deste livro, mas adorei na mesma!